Livro Cruzes Paulistas é reeditado aos 85 anos da Revolução de 32 – Uma história de heróis

Núcleo MMDC de Itapetininga/SP
Sociedade Veteranos de 32-MMDC

O feriado estadual de 9 de julho que todo ano é celebrado em São Paulo remonta o início da Revolução Constitucionalista que deflagrada foi neste dia no ano de 1932.

Considerada a data cívica de maior importância no Estado, a Revolução de 32 é também tida pelos paulistas como o maior movimento cívico de sua história, porquanto com o concurso das armas se buscou por meio desse movimento a constitucionalização do país que em regime ditatorial se encontrava naqueles idos.

Com efeito, foi um total de 87 dias de combates, de 9 de julho a 4 de outubro de 1932, com um saldo oficial de 934 mortos, embora estimativas, não oficiais, majorem este número para mais de 2.000 mortos, sendo que numerosas cidades do interior do estado de São Paulo sofreram danos devido aos combates.

capa_cruzes

O livro Cruzes Paulistas

Os que tombaram pela glória de servir São Paulo, publicado em 1936, retrata o que significou o sacrifício da própria vida que 635 paulistas de nascimento e de coração fizeram ao servir São Paulo nos campos de batalha, ou em consequência de ferimentos recebidos, na luta pela Constituição, pela Liberdade e pela Democracia, o que levou a historiografia brasileira a considerar esta obra como sendo a “bíblia da Revolução de Constitucionalista de 1932”.

A par das homenagens aos mortos da revolução, a iniciativa de sua publicação em 1936 buscou também angariar fundos para a construção do Monumento e Mausoléu ao Soldado Constitucionalista de 32, o Obelisco do Parque do Ibirapuera, em São Paulo.

A iniciativa de se reeditar Cruzes Paulistas por conta das comemorações dos 85 anos da revolução de 1932 em 2017 foi iniciativa coordenada pelo Prof. Dr. Jefferson Biajone, presidente da sucursal da Sociedade Veteranos de 32-MMDC em Itapetininga e também docente da Fatec do município, onde leciona matemática para o curso superior de tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, do qual os alunos Airesphy Pantojo Viotto, Aydil Marques de Souza, Renan Arantes Ferreira, Pedro Henrique Ferreira Collaço, Fabrizio Fernandes de Freitas, Sérgio Augusto Peiretti, Thais de Souza Lopes e Cintia Akiko Tsunemoto aceitaram o convite e perfizeram a equipe técnica que revisou, atualizou e ampliou a maior obra literária de todos os tempos da epopeia de 32.

O trabalho de reedição das 516 páginas de Cruzes Paulistas (1936) e das 232 fotografias dos combatentes retratados na obra teve o apoio de destacadas personalidades culturais que compuseram uma nova comissão editorial integrada pelo genealogista Afrânio Franco de Oliveira Mello e pelos descendentes da comissão editorial de edição original de 1936, os senhores Benedito Montenegro Neto, Helio Rubens de Arruda e Miranda e Osvaldo Bretas Soares Filho.

Mecenas de entidades diversas da cidade de Itapetininga e região investiram recursos para que a obra viesse a lume nos mil exemplares impressos, tornando possível que em solenidade comemorativa dos 85 anos da revolução de 32 no Setor Sul realizada no SESI de Itapetininga, a obra fosse lançada a 1º de julho de 2017 e com a participação de autoridades e entidades diversas, a citar a Sociedade Veteranos de 32-MMDC, a Associação Fundo de Auxílio Mútuo dos Militares do Estado de São Paulo (AFAM), a Academia de Polícia Militar do Barro Branco, o Centro de Comunicação Social da PMESP, o Comando de Policiamento do Interior – Sete, o Tiro de Guerra 02-076, a Guarda Civil Municipal, o Museu da Imagem e do Som, o Instituto Histórico Geográfico e Genealógico de Itapetininga e a Academia Itapetiningana de Letras.

pilotopolicial

Prof. Dr. Jefferson Biajone, Presidente do Núcleo de Itapetininga. Foto: Antonio Carlos Soares.
Prof. Dr. Jefferson Biajone, Presidente do Núcleo de Itapetininga. Foto: Antonio Carlos Soares.

Durante a solenidade, o Diploma de Honra ao Mérito Para Sempre Cruzes Paulistas foi concedido às personalidades e entidades que concorreram para o lançamento da obra, diploma esse dotado de dois QR CODEs: um que dá acesso ao exemplar impresso em PDF e outro que dá acesso ao exemplar original de 1936, também completamente digitalizado.

A edição comemorativa de Cruzes Paulistas recebeu o número de ISBN 978-85-65703-22-2 e se encontra também no formato digital, este sob o ISBN 978-85-65703-16-1 que em 2016, por conta do aniversário dos 80 anos da edição original da obra (1936-2016) foi disponibilizada em http://mh.itapetininga.com.br/1932/cruzespaulistasdigital.htm. A edição impressa de 85 anos pode ser também baixada gratuitamente neste site.

qrcode_acessolivroOs mil exemplares de Cruzes Paulistas foram compostos e impressos na Gráfica Regional de Itapetininga, que em 2017, completa 50 anos de existência. Segundo o professor Biajone, a reedição de Cruzes Paulistas o tornou o único livro de biografias sobre ex-combatentes no país que possui na lombada um QR-CODE habilitado para o download do livro todo, em PDF, via dispositivo móvel dotado de leitor desse código, uma ideia que os alunos de análise e desenvolvimento de sistemas da Fatec de Itapetininga tiveram para promover a perenização da mensagem de civismo, idealismo, sacrifício e patriotismo de Cruzes Paulistas para as gerações presentes e futuras na linguagem tecnológica do século XXI.

Ficha Técnica de Cruzes Paulistas
Edição original de 1936

Cruzes Paulistas: os que tombaram em 1932 pela Glória de servir São Paulo.

Organizadores
Doutor Benedicto Montenegro
Alberto Aguiar Wessohn

Redatores
Alcindo Guanabara de Arruda e Miranda
Horácio de Andrade

Dados compilados por 
Oswaldo Bretas Soares

Ficha Técnica de Cruzes Paulistas
Edições 2016 (digital) e 2017 (impressa)

Cruzes Paulistas: edição comemorativa dos 80 anos de Cruzes Paulistas (ISBN 978-85-65703-22-2)

Cruzes Paulistas: edição comemorativa dos 85 anos da Revolução Constitucionalista de 1932 (ISBN 978-85-65703-16-1)

Organizadores
Prof. Dr. Jefferson Biajone
Afrânio Franco de Oliveira Mello
Benedito Montenegro Neto
Helio Rubens de Arruda e Miranda
Oswaldo Bretas Soares Filho

Redatores
Airesphy Pantojo Viotto
Aydil Marques de Souza
Cintia Akiko Tsunemoto
Oritia Abreu Serafim
Renan Arantes Ferreira da Silva

Dados compilados por
Cintia Akiko Tsunemoto
Fabio Henrique Silveira
Marcos Felipe de Souza Bonini
Thais de Souza Lopes

Saiba mais:

Deixe uma resposta

- Saiba o que é trollagem: Cuidado com os TROLLS !

- Política de moderação: Política de moderação de comentários: sua consciência

Os comentários não representam a opinião do Piloto Policial. Os comentários são de responsabilidade dos respectivos autores.

Comentários

comentários