Polícia do Estado de Maryland/, EUA, apresenta novo helicóptero de evacuação médica

Na última sexta (5/10), o Governador Martin O’Malley, o Coronel Marcus Brown, funcionários da AgustaWestland, representantes da comunidade de serviços médicos de emergência, e outros funcionários apresentaram o primeiro novo helicóptero AW139 de evacuação aeromédica da Polícia do Estado de MarylandEUA (AW 139), em substituição a frota dos antigos AS365 Dauphin.

“A responsabilidade mais sagrada que qualquer governo tem é a de proteger as vidas de seus cidadãos. É um esforço de todo o estado que envolve parceria em todos os níveis, é por isso que temos a sorte de ter em Maryland esses talentosos e dedicados socorristas”, disse o governador O’Malley.

“Por isso que escolhemos investir 121,7 milhões de dólares em 10 novos helicópteros de evacuação médica que irão substituir a frota atual. Juntos, com os homens e mulheres de polícia de Maryland, temos reduzido o número de crimes violentos, homicídios e crimes contra a propriedade. E através dessas ações em conjunto, podemos criar um amanhã melhor e mais seguro. ”

O Estado de Maryland tem um contrato de 121,7 milhões dólares com a AgustaWestland  por 10 helicópteros AW 139. Outros helicópteros que estão em produção chegarão em breve. Funcionários do Departamento de Transportes de Maryland coordenam o processo de aquisição.

Os novos helicópteros possuem os mais recentes equipamentos aviônicos e  de segurança, incluindo sistemas de percepção de alerta de terreno, compatibilidade de visão noturna, gravadores de vídeo, voz no cockpit, radar altímetro e avançados recursos de classificação de instrumentos de voo, todos recomendados pela FAA (Administração Federal de Aviação). Eles fornecem mais espaço nas áreas de pacientes e de carga, permitindo que os paramédicos de voo tenham melhor acesso aos pacientes e consigam levar equipamentos de resgate a bordo em todos os momentos.

“Este novo helicóptero e os outros que virão, representam uma melhoria incrível na capacidade de segurança pública de Maryland”, disse o Coronel Marcus Brown. “Eles vão fornecer uma aeronave segura para nossas tripulações, com mais espaço e equipamentos para os paramédicos de nossos voos para cuidarem dos feridos. Agradeço o governador O’Malley, que, com o apoio da Assembléia Geral, cumpriu sua promessa com a Polícia do Estado, nossos parceiros de segurança pública e para o povo de Maryland. Estas novas aeronaves serão bem aproveitadas e, junto com a nossos parceiros EMS, continuaremos com o incrível índice de salvamento e assistência pelo qual Maryland é conhecido. ”

A nova aeronave que está a caminho substituirá a velha frota de 11 helicópteros do Estado de Maryland, dos quais 10, tem mais de 20 anos. O aumento da idade e das horas de voo resultam também no aumento das inspeções e manutenções obrigatórias, deixando as aeronaves indisponíveis para uso.

Além disso, a nova aeronave também tem localização por satélite e capacidades de vídeo – downlink. Os dois motores sobre os helicópteros são mais poderosos do que os das aeronaves antigas, fundamentais durante uma operação de resgate. A nova aeronave permitirá que a tripulação voe mesmo se um motor falhar durante uma operação. Atualmente, a aeronave pode permanecer no ar se um motor falhar, porém o resgate deve ser terminado antes para que a aeronave possa sair de cena.

De acordo com a AgustaWestland, o novo helicóptero é o mais rápido da sua classe, tem o maior espaço de cabine de qualquer helicóptero na mesma categoria de peso e é o único helicóptero de sua categoria que atende ou excede os mais recentes requisitos de segurança civis de certificação.

Os novos helicópteros que chegam a Maryland não serão colocados imediatamente em serviço. Antes disso, os pilotos de helicóptero da polícia do estado e paramédicos de voo serão submetidos a treinamento intensivo sobre a nova aeronave. Além do pilotos aprenderem sobre os requisitos das novas aeronaves, os paramédicos de voo também deverão se familiarizar com o novo equipamento médico e configurações da aeronave.

Funcionários do Comando de Aviação da Polícia do Estado devem antecipar a nova aeronave para que a mesma seja implantada em missões reais no início de 2013.

O Programa de Evacuação Aeromédica de Maryland começou na Polícia Estado em março de 1970, em cooperação com o Dr. R Adams Cowley e com a Universidade de Trauma de Maryland. Desde então, mais de 138.000 pacientes foram salvos e transportados a uma rede de Hospitais de trauma e cuidados especiais de Maryland.

Fonte: Helihub

Deixe uma resposta

- Saiba o que é trollagem: Cuidado com os TROLLS !

- Política de moderação: Política de moderação de comentários: sua consciência

Os comentários não representam a opinião do Piloto Policial. Os comentários são de responsabilidade dos respectivos autores.

Comentários

comentários