Comandante inglesa consegue parar trem e evitar um desastre

Com a vantagem da visão privilegiada de seu helicóptero, a piloto policial Kathryn Chapman conseguiu visualizar um desastre em curso. Um carro abandonado em uma passagem de nível de linha férrea com os policiais perseguindo o motorista a pé, enquanto um trem de passageiros vinha em direção ao veículo a aproximadamente 50 mph.

Então, em uma cena que poderia ser de um filme de Hollywood, a piloto Chapman voou para tentar evitar a tragédia. Voando à aproximadamente três vezes a velocidade do trem, ela desceu a pouco mais de 60 pés acima do solo e conseguiu ficar à frente e um pouco acima do trem.

Ela começou a sinalizar ao condutor do trem para parar, balançando a aeronave e piscando as luzes de pouso. Ao perceber a sinalização de que havia uma emergência, o condutor pisou nos freios e parou o trem a apenas 30 metros do cruzamento.

A piloto Chapman, que tinha tido apenas algumas centenas de metros para conseguir evitar o acidente, sabia exatamente o que fazer pois ela também fora uma maquinista de trem quatro anos antes.

A piloto de 51 anos, mãe de dois filhos, disse: “Meu estômago virou quando olhei e vi o trem vindo em direção ao veículo e aos funcionários na linha. Estava provavelmente a menos de uma milha de distância e não havia tempo de sobra”

O helicóptero da polícia de Humberside estava acompanhando um veículo Ford Mondeo, após o motorista ignorar um sinal da polícia para ele parar. Quando o motorista abandonou o carro sobre a via férrea, a Comandante Chapman se viu forçada a entrar em ação.

A piloto, que também é uma veterana da Royal Navy da Guerra do Golfo, estimou que o trem viajava a cerca de 50 mph. “Eu sabia mais ou menos os sinais que o condutor seria alertado”, disse ela. “O livro de regras diz que luzes piscando diretamente em seu campo de visão deve ser tomado como um sinal de parada de emergência”. Toda a operação levou pouco mais de um minuto.

“Este foi um ato irresponsável do condutor do veículo, que poderia ter resultado na morte de um sem número de pessoas, mas como resultado do pensamento e ação rápidos da tripulação do helicóptero da Polícia Humberside uma tragédia foi evitada”, disse Colin Andrews, Superintendente da empresa que administra a ferrovia.

O motorista suspeito, um homem de 40 anos, foi preso no local por não parar e foi acusado de estar sob efeito de drogas. Ele foi liberado sob fiança.

Fonte: Mail Online,  Chris Brooke.

Fotos: Sean Spencer/Hull News & Pictures.

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

- Saiba o que é trollagem: Cuidado com os TROLLS !

- Política de moderação: Política de moderação de comentários: sua consciência

Os comentários não representam a opinião do Piloto Policial. Os comentários são de responsabilidade dos respectivos autores.

Comentários

comentários