Rio Grande do Sul anuncia que venderá um dos helicópteros do governo

Anúncio

Rio Grande do Sul – O governador do Rio Grande do Sul informou nesta quinta-feira (7/1) a um grupo de empresários que dará continuidade ao processo de venda de um dos helicópteros do governo do Rio Grande do Sul a fim de economizar dinheiro público. O gesto é simbólico e significa, segundo ele, que a disposição para cortar privilégios, vantagens e benefícios.

Bell 230 será vendido pelo governo do Estado Reprodução
Bell 230 será vendido pelo governo do Estado
Reprodução

A informação foi divulgada durante reunião-almoço do Lide, no Country Club, em Porto Alegre, no início da tarde, onde explicou os planos de sua gestão.

O helicóptero que está em processo de leilão desde 2016 é o Bell 230, que servia desde 1998 ao governo. Além de transportar o governador e secretários há 20 anos, a aeronave era utilizada para missões da Brigada Militar.

Por ter se tornado caro, com contrato de manutenção de R$ 750 mil por ano, e por não servir mais à corporação, ele está sendo negociado. Segundo o comandante do Batalhão de Aviação da Brigada Militar, tenente-coronel Lisboa, o helicóptero não era mais fabricado, o que dificultava a localização de peças para a manutenção. Ele está avaliado em US$ 800 mil.

Mesmo com essa venda, o governador não ficará sem aeronave. Além do bimotor King Air, que o ex-governador José Ivo Sartori usava para ir a Brasília, há mais quatro helicópteros à disposição do governo, de seus secretários e da Brigada Militar: são dois Esquilos (AS 350) e dois Koalas (AW 119) .

Deixe uma resposta

- Saiba o que é trollagem: Cuidado com os TROLLS !

- Política de moderação: Política de moderação de comentários: sua consciência

Os comentários não representam a opinião do Piloto Policial. Os comentários são de responsabilidade dos respectivos autores.

Comentários

comentários