Polícia Militar de São Paulo publicou edital para compra de seis helicópteros biturbina

12
4

O Grupamento de Radiopatrulha Aérea da Polícia Militar do Estado de São Paulo, tornou público no dia 24/11, que se acha aberta licitação na modalidade PREGÃO, de âmbito INTERNACIONAL, do tipo MENOR PREÇO GLOBAL – Processo nº GRPAe-207/140/11, objetivando a COMPRA de 06 (SEIS) AERONAVES DE ASA ROTATIVA (HELICÓPTERO) BITURBINA IFR para Operações de Segurança Pública e de Defesa Civil.

A sessão de processamento do pregão presencial será realizada no GRPAe, situado na Avenida Santos Dumont, 1979, Aeroporto Campo de Marte, setor B, Santana, São Paulo/SP, iniciando-se no dia 15 de dezembro de 2011, às 09:00 horas e será conduzido pelo Pregoeiro com o auxílio da Equipe de Apoio, designado nos autos do processo.

As especificações técnicas da aeronaves constam das páginas 22 a 34 do edital e, além dos equipamentos operacionais requeridos, as aeronaves deverão, conforme as necessidades operacionais, ter capacidade de atender as seguintes configurações:

Configuração 1emprego operacional: com 02 (dois) pilotos em duplo comando, com capacidade para transportar 09 (nove) policiais sentados em 09 (nove) assentos de alta densidade com amortecimento de impactos.

Configuração 2defesa civil – aeromédica: com 02 (dois) pilotos em duplo comando, com capacidade para transportar 01 (um) médico, 01 (um) enfermeiro, 01 (um) tripulante operacional e 02 (dois) pacientes deitados em macas removíveis.

Configuração 3transporte de pessoal: com 02 (dois) pilotos em duplo comando, com capacidade para transportar 07 (sete) passageiros sentados em assentos revestidos em couro.

Este investimento do Governo de São Paulo será o maior já realizado no Brasil em uma única aquisição, o que demonstra a preocupação do Estado em equipar ainda mais sua Polícia, a fim de atender as demandas existentes e preparar-se para a Copa do Mundo de 2014.

Essas aeronaves, dentre outros equipamentos, deverão possuir farol de busca, imagiador térmico, cestos de água para combate a incêndio, gancho, guincho, flutuadores de emergência, preparação para NVG, óculos de visão noturna, sistema de gravação de imagem, equipamentos aeromédicos, além dos sistemas de navegação, comunicação e aviônicos.

Atualmente o GRPAe de São Paulo possui 24 helicópteros e seis aviões e conta com um efetivo de mais de 450 policiais, com 87 pilotos, mais 8 em formação, cerca de 60 mecânicos e auxiliares, mais de 120 tripulantes operacionais, além de médicos, enfermeiros, apoio de solo e pessoal administrativo.

Fonte: Imprensa Oficial.


Clique e faça o download do Edital


12 COMENTÁRIOS

  1. Parabéns ao GRPAer-SP pelo brilhante trabalho realizado até o momento e pela paladina iniciativa de iniciar uma mudança de categoria de suas aeronaves, aumentando a qualidade e a segurança operacional da Aviação de Segurança Pública sobre a maior cidade do Brasil e uma das maiores do mundo. Estamos felizes com este processo e desejo sucesso na compra, e que vençam os melhores equipamentos, de acordo com o interesse da PMESP.

    O DF em breve estará iniciando um processo semelhante, pois a busca pela qualidade está como foco central do BAVOp e da PMDF, à exemplo de SP.

    Parabéns
    TC Gonçalves
    BAVOp-PMDF

  2. Aos amigos do GRPAer-SP nossas felicitações!! Recebemos com muita alegria esta notícia, pois o paradigma do emprego de aeronaves biturbina IFR na Aviação de Estado vem se consolidando nos últimos anos.
    Uma aquisição deste porte reforça o consenso em torno da segurança operacional e a ampliação da capacidade da nossa aviação que estas máquinas proporcionam. Não creio que o Esquilo perderá seu lugar, pois serão empregos diferenciados.
    Um grande abraço a todos e sucesso no novo patamar operacional.

  3. EXCELENTE INICIATIVA DO GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO.
    PARABÉNS AOS COMANDANTES POR ESTA CONQUISTA.
    BITURBINA E COM ESSAS CONFIGURAÇÕES, PODERIAM FICAR TODOS COM O ” CORPO DE BOMBEIROS DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO”.
    QUE ALIÁS ATÉ HOJE 2011, É DA POLÍCIA MILITAR COMO O PRÓPRIO NOME DIZ.
    O ESTADO MAIS RICO DO PAÍS PAGA UM DOS MENORES SALÁRIOS A SEUS MILITARES E TEM A SUA CORPORAÇÃO DE BOMBEIROS APENAS COMO UMA DIVISÃO DA POLÍCIA MILITAR.
    OS “ESQUILOS AS” DEFINITIVAMENTE NÃO FORAM FEITOS PARA MISSÕES AEROMÉDICAS E DE DEFESA CIVIL. JÁ ERA HORA DE ADQUIRIR EQUIPAMENTOS ADEQUADOS.

  4. Bom saber que não estou sozinho na briga pela implementação de helicópteros bimotores na aviação de segurança pública do Brasil…

    O GRPae PMESP está mais uma vez na vanguarda ao licitar nada menos que 6 helicópteros bimotores IFR!!

    Parabéns aos gestores da maior unidade aérea de segurança pública do Brasil, cada vez mais uma excelente REFERÊNCIA para todos nós!

    Bons e seguros voos a todos!

    Cmte Rodrigo Duton – MAJ PMERJ
    Grupamento Aéreo e Marítimo (GAM)

  5. Parabéns a PMESP pela excelente aquisição e fico feliz por saber que outros militares da aviação participam da mesma idéia de que é chegada a hora de operarmos helicópteros bimotores, a fim de melhorarmos cada vez mais nossas operações, e o mais importante, com segurança!

  6. Excelente advento na aquisição de novos vetores aéreos onde estes são equipados por células motopropulsoras ‘biturbinas’; o constante empenho da atual conjuntura administartiva do Estado de São Paulo em prever, estudar e decidir por equipamentos e know-how técnico-profissional ao seu efetivo, visando por padrões melhores dentro do binômio eficiência-eficácia para sua tropa, o que eleva seu moral, traduzido pela conduta operacional e empenho profissional. Esta é a Polícia Militar do Estado de São Paulo!

Deixe uma resposta

- Saiba o que é trollagem: Cuidado com os TROLLS !

- Política de moderação: Política de moderação de comentários: sua consciência

Os comentários não representam a opinião do Piloto Policial. Os comentários são de responsabilidade dos respectivos autores.

Comentários

comentários