Colegas de policial ferido em queda de helicóptero fazem campanha para custear sua fisioterapia

Anúncio

Um mês após a queda do helicóptero do Serviço Aeropolicial (Saer) da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro (PCERJ) ocorrida durante exercício de rotina, no Caju, na Zona Portuária do Rio, o tripulante operacional Cláudio Cobo Fernandes, 46 anos, permanece internado.

Colegas de policial ferido em queda de helicóptero fazem campanha para custear sua fisioterapiaApesar de respirar sozinho e ter se recuperado de um quadro de infecção, o policial permanece inconsciente, não fala e possui apenas movimentação muscular espasmódica. Como a instituição não tem um hospital para atender os policiais civis e seus familiares – diferentemente dos PMs, que contam com o Hospital Central da Polícia Militar (HCPM), no Estácio, na região central do Rio, e com o Hospital da Polícia Militar (HPM), em Santa Rosa, na Zona Sul de Niterói – os agentes precisam pagar plano de saúde para terem a garantia de tratamento nos momentos de necessidade.

Ainda assim, o policial está precisando de ajuda, pois a fisioterapia recomendada para seu caso custa R$ 240 por sessão. A esposa do agente procurou a Chefia da PCERJ para pedir auxílio, mas não conseguiu – mesmo tendo seu marido se ferido em serviço.

Ao saber da dificuldade encontrada pela família, colegas resolveram fazer uma campanha para arrecadar dinheiro com o intuito de ajudar na realização do tratamento.

Agentes da Divisão de Capturas e Polícia Interestadual (DC-Polinter), da Delegacia de Combate às Drogas (Dcod) e da Delegacia Fazendária (DelFaz) conseguiram arrecadar R$ 1.175, mas a quantia é suficiente para apenas quatro sessões de fisioterapia.

Quem puder colaborar com qualquer valor pode fazer o depósito diretamente na conta do policial:

CLÁUDIO COBO FERNANDES
Banco Itaú – 341
Agência 8392
Conta Corrente 37648-2

ATENÇÃO: Para aqueles que farão depósito por transferência bancária favor solicitar o CPF via e-mail: [email protected]

Fonte: Blog da Repórter Roberta Trindade

 

7 COMENTÁRIOS

  1. Prezado Beni,

    Para efetuar a transferência, necessário se faz ter o número do CPF do titular da conta, já que a transferência está sendo feita via DOC ( bancos diferentes).
    Necessito ainda do número do banco, pois aparecem diversos bancos itaú.

    Abraço.

Deixe uma resposta

- Saiba o que é trollagem: Cuidado com os TROLLS !

- Política de moderação: Política de moderação de comentários: sua consciência

Os comentários não representam a opinião do Piloto Policial. Os comentários são de responsabilidade dos respectivos autores.

Comentários

comentários