DJI diz que está desenvolvendo opção para pilotos poderem voar sem transferência de dados pela Internet

EUA – O exército dos EUA disse recentemente que estava removendo todo o equipamento DJI de suas operações devido a “vulnerabilidades cibernéticas”, no que foi um golpe para a imagem pública do fabricante chinês de drones.

Em resposta, a empresa DJI publicou Press Release informando que está desenvolvendo um novo modo de dados locais que estará disponível nas próximas semanas para versões futuras de aplicativos DJI. Isso impedirá o tráfego de internet de seus aplicativos de controle de voo, a fim de fornecer garantias de privacidade de dados para governos e empresas.

djidronewirelessoff

Os aplicativos de controle de voo do DJI rotineiramente se comunicam pela internet para que um drone tenha os mapas locais mais relevantes e os dados de georreferência, as versões mais recentes do aplicativo, os requisitos corretos de freqüência de rádio e energia e outras informações que melhorem a segurança e a funcionalidade do voo. Quando um piloto habilitar o modo de dados locais, as aplicações DJI pararão de enviar ou receber dados através da internet, dando aos clientes garantias sobre a privacidade dos dados gerados durante seus voos.

“Estamos criando o modo de dados locais para atender às necessidades de nossos clientes corporativos, incluindo organizações públicas e privadas que estão usando a tecnologia DJI para realizar operações sensíveis em todo o mundo”, disse Brendan Schulman, vice-presidente de políticas e assuntos jurídicos da DJI. “A DJI está empenhada em proteger a privacidade das fotos, vídeos e registros de voos de seus clientes. O modo de dados locais proporcionará garantias adicionais aos clientes com maiores necessidades de segurança de dados “.

Como bloqueia todos os dados da Internet, o uso do modo de dados locais significa que as aplicações DJI não atualizarão mapas ou informações de georreferência, não notificarão os pilotos de restrições de voo ou atualizações de software recém-emitidas e poderão resultar em outras limitações de desempenho.

No entanto, proporcionará um nível aprimorado de garantia de dados para voos sensíveis, como os que envolvem infra-estrutura crítica, segredos comerciais, funções governamentais ou outras operações similares.

A DJI disse reconhecer a importância da privacidade de dados para seus clientes e que não coleciona ou tem acesso a registros de voos de usuários, fotos ou vídeos, a menos que o usuário opte por compartilhar aqueles, sincronizando os logs de voos com servidores DJI, carregando fotos ou vídeos para o site SkyPixel da DJI ou enviando fisicamente o drone para o DJI para realização de serviço.

O modo de dados locais está em desenvolvimento há vários meses e será incluído em versões futuras de aplicativos DJI, começando nas próximas semanas. Os aplicativos do DJI incluem DJI GO, DJI GO 4, DJI XT Pro, DJI Pilot e Ground Station Pro, que são executados em smartphones e tablets que controlam o drone ou se conectam à unidade de controle remoto do drone. O recurso do modo de dados locais pode não estar disponível em locais onde uma conexão à internet é necessária ou altamente recomendável devido a regulamentos ou requisitos locais.

Deixe uma resposta

- Saiba o que é trollagem: Cuidado com os TROLLS !

- Política de moderação: Política de moderação de comentários: sua consciência

Os comentários não representam a opinião do Piloto Policial. Os comentários são de responsabilidade dos respectivos autores.

Comentários

comentários